Entenda!

Seção com textos de fácil entendimento sobre diversas doenças e distúrbios do corpo humano, preparados pela equipe da Clínica Onix.

Angiologia e Cirurgia Vascular

O sistema circulatório

Tabagismo e doença vascular

Varizes

Trombose Venosa / Embolia Pulmonar

Aneurismas

Doenças da Carótida

Dor nas pernas ao caminhar

Hiperhidrose

Acessos Vasculares

Cardiologia

Infarto do Miocárdio

Hipertensão Arterial

Insuficiência Cardíaca

Arritmias

Endocrinologia Cirurgia Plástica Estética e reparadora Cirurgia do Aparelho Digestivo e Proctologia

Pedra na vesícula (Colelitíase)

Doença Hemorroidária (hemorróidas)

Hérnias abdominais

Doença do refluxo gastro-esofágico

Câncer do cólon e do reto

Câncer do estômago

Câncer do pâncreas

Câncer do fígado

Fissura anal

Fístula peri-anal

Abscesso peri-anal

Apendicite aguda

Gastrite

Úlcera do estômago

Esofagite

Colite

Geriatria e Clínica Médica

Qual a função do Geriatra?

Promoção de saúde e prevenção de doenças, levando-se em conta as particularidades de cada pessoa.

Detecção precoce e tratamento de doenças crônicas, como hipertensão arterial, diabetes, osteoporose, depressão, entre outras, cujo controle é fundamental para prevenção de graves conseqüências, como infarto, AVC, déficit visual, fraturas...

Avaliação global do idoso: sono, humor, memória, equilíbrio, alimentação, incontinência urinária e fecal, dor, órgãos do sentido...

Acompanhamento de pessoas com múltiplas doenças, tomando diversas medicações, prescritas por médicos de diferentes especialidades. O geriatra organiza o cuidado, evitando efeitos adversos e interações medicamentosas prejudiciais.

Reabilitação. Planejamento dos cuidados para recuperação da funcionalidade (capacidade de realizar as atividades da vida diária), após doença grave ou longo período de internação hospitalar.

Tratamento/acompanhamento de pessoas com doença de Alzheimer ou outros tipos de demência, esclarecendo ao cuidador as características da doença, as alterações de comportamento e as possibilidades de como lidar. Com a evolução da doença, o paciente e as dificuldades relativas aos cuidados mudam, sendo necessária a presença do geriatra para novos esclarecimentos, ajustes medicamentosos, adaptações do ambiente e auxílio de outros profissionais da saúde, como nutricionista, fono, fisioterapeuta, terapeuta ocupacional, psicólogo.

Cuidados paliativos- destinados a pessoas com doenças incuráveis que ameaçam a vida, buscando qualidade de vida, através do controle da dor e de outros sintomas físicos, emocionais, sociais e espirituais.

Trabalho conjunto com equipe multidisciplinar em diversos momentos.

Nutrição

A preocupação com a qualidade de vida e questões que refletem na mesa do brasileiro tem colocado o nutricionista numa posição de importância fundamental para auxiliar uma mudança positiva no hábito alimentar da sociedade. O nutricionista tem um papel importante na vida do ser humano desde a gestação até o envelhecimento.

Na atenção a gestante, o nutricionista procura orientar uma alimentação que forneça todos os nutrientes necessários para ela e para o feto em desenvolvimento, e para que ambos não apresentem deficiências nutricionais. Já após o nascimento e durante toda a infância, o acompanhamento nutricional é importante para manter o aleitamento materno exclusivo até os seis meses e a introdução gradativa dos alimentos após esse período. É na infância que a criança vai descobrindo suas preferências alimentares.

Orientações são lançadas frequentemente em sites, redes sociais, meios televisivos e impressos sobre a alimentação dita “saudável”, geralmente elaborada por pessoas comuns, profissionais de outras áreas, que não da nutrição, não habilitados a fornecerem informações nutricionais. Acompanhando a “tendência”, uma parcela da população está cada vez mais focada no modelo estereotipado de beleza nem sempre atrelado a saúde. Este tem sido um conjunto de enfrentamentos com os quais o nutricionista tem de lidar diariamente.

Na adolescência até a fase adulta em que ocorre mudanças tanto corporais como hormonais, os jovens por influência da mídia, optam por fazer refeições cada vez mais restritivas ou até excessivas, e cabe a nutrição o papel importante na prevenção dos transtornos alimentares e no acompanhamento para uma dieta adequada.

Na nutrição e estética e saúde da mulher, a orientação para acompanhamentos dietéticos tem surtido ótimos efeitos para a população, principalmente feminina, como uma aliada no envelhecimento saudável, na utilização da nutrição funcional.

Na nutrição esportiva, muitos atletas e indivíduos, em busca do exercício físico como aliados para qualidade de vida (redução de peso, diminuição da ocorrência de hipertensão e doenças cardiovasculares em geral), encontram-se satisfeitos com os diversos profissionais da nutrição no mercado, que obtêm cada vez mais resultados positivos, a exemplo de nutricionistas em equipes de futebol ou nas equipes olímpicas.

Não longe disso, o adulto e o idoso também precisam de orientações nutricionais adequadas, para evitar doenças crônicas ou mesmo tratá-las. O idoso é um tipo de população que requer maior atenção, pois perdem massa muscular e não ingerem líquidos adequadamente.

É de extrema importância o nutricionista orientar a população em geral quanto a qualidade, quantidade, harmonia e adequação de sua dieta para que o resultado final seja uma ótima qualidade de vida. O nutricionista faz parte de todos os ciclos da vida.

 

Angiocare Serviços Médicos S/S. LTDA Rua Itapeva 378, Cj 144 - São Paulo (SP). Copyright © 2017 Todos os direitos reservados.